sábado, 7 de fevereiro de 2015

The Legend of Zelda vai virar série...e agora?

Uhul! Finalmente depois de anos, voltaremos a ver um live action da Nintendo. Para enterrar de vez o infame Super Mario Bros da década de 90...
Agora vamos as especulações, afinal não tem informação nenhuma a não ser que será produzida pela Netflix e será uma Game of Thrones para família( se você esperava ver Link e Zelda finalmente se pegando, tire a Epona da chuva).


Vamos ser sinceros, O principal enredo de Zelda é fazer as dungeons. 80% do tempo você está resolvendo puzzles e junte-se a isso com um protagonista que não fala e o que teríamos? Uma série que pareceria simplesmente um gameplay. Então o que fazer para levar Hyrule para essa diferente linguagem?





  • Se basear nos jogos: Óbvio né, é por isso que vamos ver Link no Netflix, por causa dos jogos. Mas qual jogo? O primeiro que me vem a cabeça seria Ocarina of Time. Foi nesse jogo que Hyrule expandiu de forma exponencial. Temos além do reino de Zelda, Zoras, Gorons, Gerudos. E já que a ideia é se inspirar em Game of Thrones, nada melhor que ter vários reinos/raças para ter tramas e subtramas, já que acho que a série não iria sobreviver só acompanhando Link por aí com a Navi enchendo o saco.

  • Se basear no Mangá: Os mangás já fizeram o trabalho de adaptar os jogos para uma linguagem diferente. O que vemos no mangá é apenas uma adaptação do que vimos nos jogos, mudando muitas coisas, como por exemplo, como Link e Zelda se conhecem em Ocarina of Time, mas mantendo a ambientação e a progressão da História

  •  Fazer algo completamente novo: Isso eu particularmente acharia muito bacana! Um enredo inédito, sem saber o que esperar, colocando referencias de dezenas de jogos durante a série. Novos cenários, ou lugares reimaginados. Novos personagens e inimigos. Chamaria atenção de quem nunca jogou, pois não se precisaria saber nada de The Legend of Zelda e ainda iria trazer a gigantesca massa de fãs para assistir a série.

  • Explorar personagens secundários: Majora's Mask por exemplo tem dezenas de personagens secundários em que ficamos curiosos para conhecer melhor. Imagina uma subtrama sobre Kafei, ou sobre Darmani. Seria a chance perfeita para conhecer melhor tantos personagens importantes na jornada de Link.


Lembrando que só fiz algumas especulações, muita água vai passar por Lake Hylia até vermos o piloto da série, até lá ficaremos na ansiedade e na expectativa!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contador